ARGININA E ANTIOXIDANTES MELHORAM O DESEMPENHO FÍSICO

EM HOMENS MAIS VELHOS

 

 

Um artigo publicado online em 23 de março de 2010, no jornal da Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva,relata um efeito positivo para as substâncias antioxidantes e de aminoácido arginina na capacidade de exercício em homens mais velhos.

"A perda da capacidade de exercício com a idade muitas vezes, resulta em uma redução da aptidão física e a senescência é mais rápida", observou o investigador Zhaoping Li, da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, David Geffen School of Medicine. "Um suplemento dietético que aumenta a capacidade de exercício pode ajudar a preservar a condição física otimizando o desempenho e melhorando a saúde geral e o bem-estar das pessoas idosas".

A equipe do Dr. Li, ao acaso, escolheu  16 ciclistas de 50 a 73 anos de idade para receber um placebo ou um  suplemento em pó que consiste de L-arginina, L-citrulina, vitamina C, vitamina E, ácido fólico, taurina e  ácido alfa lipóico, todos misturados com água. Amostras de sangue foram obtidas no início do estudo, e após a primeira  e terceira semana o desempenho físico foi avaliado pelo teste ergométrico em uma bicicleta estacionária.

Depois de uma semana aqueles que receberam arginina experimentaram um aumento de 16,7% no limiar anaeróbio, que é a quantidade de trabalho realizado antes do ácido láctico no sangue começar a acumular. A capacidade anaeróbica permaneceu elevada em três semanas no grupo arginina, enquanto não aumentou naqueles que receberam o placebo.

A arginina aumenta a produção de óxido nítrico que ajuda a relaxar o músculo liso vascular nas artérias coronárias e do musculoesquelético, melhorando assim a capacidade de exercício. A produção de óxido nítrico declina com a idade, o que pode contribuir para o aumento relativo à idade na doença cardiovascular. A adição de antioxidantes é para evitar a fórmula de óxido nítrico de ser inativada por radicais livres de oxigênio.

" Nós demonstramos um aumento de 16,7% no limiar anaeróbico", o Dr. Li disse. " Isto indica um potencial papel da suplementação de arginina e de antioxidantes para melhorar o desempenho do exercício em idosos".



Revista de Bioquímica Médica